Perguntas Frequentes

Qual é a diferença entre tradução e versão?

Em geral, entende-se por “tradução” um documento traduzido de um idioma estrangeiro para o português; e entende-se por “versão” um documento traduzido do português para um idioma estrangeiro.

O que é uma tradução livre?

Considera-se tradução livre a tradução de qualquer documento/arquivo que não depende da assinatura de um tradutor público. Geralmente este documento/arquivo é fornecido e entregue por meio do formato eletrônico. É o caso, por exemplo, de manuais, apresentações, currículos, textos publicitários, e-mails ou websites.

O que é uma tradução técnica?

Considera-se tradução técnica a tradução de qualquer documento/arquivo que requer a consulta a dicionários e bibliografia especializada. É o caso, por exemplo, de textos jurídicos, artigos científicos, manuais técnicos, teses acadêmicas ou outros documentos que contenham terminologia específica de determinada área de conhecimento.

O que é uma tradução pública?

Considera-se tradução pública, popularmente conhecida como tradução juramentada, aquela tradução que é executada por um Tradutor Público e Intérprete Comercial concursado e nomeado pela Junta Comercial de seu estado. A tradução juramentada tem fé pública e validade no âmbito nacional e internacional; é o que dá existência legal a um documento, no Brasil ou no exterior, junto a instituições públicas ou privadas que exijam reconhecimento oficial da documentação. A tradução juramentada deve ser impressa em um papel timbrado que contém a identificação, o número de matrícula do tradutor e sua assinatura. É o caso, por exemplo, de diplomas, certificados, históricos escolares, certidões de nascimento, certidões de casamento, passaportes, carteiras de habilitação, contratos sociais, balanços, estatutos, etc.

Como é cobrada uma tradução libre e/ou técnica?

Geralmente a tradução é cobrada por palabra, considerando o seu nível de dificuldade e o prazo de entrega.

Como é cobrada uma tradução pública?

Os emolumentos da tradução pública são tabelados de acordo com as normas da Junta Comercial de cada estado. Os valores dependem do tipo de documento (textos comuns, especiais ou de alta complexidade) e se o trabalho se refere a uma tradução ou versão.

O que é taxa de urgência?

Corresponde a uma taxa extra cobrada pela execução do serviço em um prazo superior ao prazo normal, devido à urgência do cliente para a consecução do trabalho. Este valor pode variar entre 20% e 100% do valor orçado

O que é legalização ou consularização?

Geralmente, para que um documento estrangeiro tenha validade em um país, é necessário realizar sua legalização ou consularização. Por meio deste trâmite a autoridade consular nacional reconhece a assinatura da autoridade estrangeira. É importante consultar o órgão para o qual pretende-se apresentar os documentos para saber se a consularização ou legalização será exigida.

É possível realizar uma tradução pública a partir da cópia de um documento?

Sim. Entretanto, nesses casos, o tradutor público deverá fazer constar na introdução da tradução que esta foi realizada a partir de uma cópia e não do original de um documento.

A tradução pública pode ser entregue via e-mail?

Não. A tradução pública deve ser emitida em papel timbrado, carimbada e assinada pelo Tradutor Público.

A tradução pública emitida no Brasil tem validade no exterior?

A atividade de Tradutor Público e Intérprete Comercial (Tradutor Juramentado) é regulada pelo Decreto n° 13.609, de 21 de outubro de 1943, segundo o qual as traduções têm validade em todo o território nacional. Com relação aos países de língua espanhola, a aceitação da tradução dependerá da legislação vigente em cada país. É importante consultar o órgão para o qual pretende-se apresentar os documentos ou o consulado do país de destino.